Braskem obtém vitória na Justiça

10 de outubro de 2019 Por Redação
Facebook Twitter LinkedIn Whatsapp Enviar por e-mail

 

Publicado às 21h12min

A Justiça da 7ª Vara do Trabalho de Maceió negou os pedidos liminares do Ministério Público do Trabalho em Alagoas (MPT-AL) na Ação Civil Pública proposta contra a Braskem (BRKM5) no contexto do fenômeno geológico ocorrido em Maceió, incluindo o pedido de bloqueio no montante de R$ 2,5 bilhões.

O governo de Alagoas e o Ministério Público afirmam que a atividade de mineração da Braskem provocou rachaduras em residência em bairros próximos à área de extração de sal-gema em Maceió.

Leia também:

Banco Inter atinge a marca de 3,3 milhões de correntistas no 3T19

Usiminas esclarece sobre barragens que não tiveram a segurança atestada

Gol e American Airlines negociam parceria 

Aes Tietê encerra negociações para a aquisição dos ativos da Renova Energia

 

 

 

Tweet